Previous Next

Escola + Paz encerra ano com formatura de multiplicadores

No noite de 17 de dezembro, uma grande festa no auditório da Escola da Magistratura da AJURIS, com direito a um círculo musical que uniu todos os presentes, marcou a cerimônia de encerramento do ano letivo do programa Escola + Paz.

O programa faz parte de uma parceria da Escola da AJURIS e a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social, Trabalho, Justiça e Direitos Humanos e integra o Programa de Oportunidades e Direitos (POD), também em parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

O programa promove a prevenção e a resolução de conflitos com o uso da filosofia da Justiça Restaurativa e da prática dos círculos de construção da paz nas comunidades escolares que integram os territórios do POD. Durante a cerimônia, os participantes dos cursos de formação básica, formação de multiplicadores e formação avançada de círculo da paz receberam seus certificados. São eles que vão trabalhar junto às comunidades escolares abrangidas pelo programa, que ficam em Alvorada, Viamão e nos bairros Cruzeiro, Lomba do Pinheiro, Rubem Berta e Restinga, em Porto Alegre.

A presidente da AJURIS, Vera Lúcia Deboni, falou da importância da Justiça Restaurativa na busca de solucionar os conflitos nas comunidades. “Em momentos assim volto para a minha vida de juíza da infância. Quando apostamos em alguns sonhos, como a Justiça Restaurativa, a gente se sente realizado em ver os resultados, fruto da parceria da AJURIS com muitos governos que passaram pelo Palácio Piratini. Eu tinha certeza que poderíamos mudar trajetórias, mas não sabia que seria com tanta intensidade”, disse. 

O juiz Leoberto Brancher, coordenador de formações em Justiça Restaurativa da Escola da AJURIS, também falou do trabalho desenvolvido e dos frutos das parcerias. “Enfrentamos dificuldades, mas é nos embates que se faz forte e se constrói. O evento de hoje é um divisor de águas para a aposta do governo de investir em uma política pública que chega perto das famílias”, afirmou.

A cerimônia também contou com a participação de Ana Maria Viana Severo, da Secretaria de Justiça, que, em sua participação, destacou o trabalho dos líderes do projeto na atuação junto às comunidades. O encontro se encerrou com um círculo musical, comandado pelos consultores do projeto, para celebrar a paz.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

21/12/2018

Painel sobre Direitos Humanos tem destaque na mídia

O jornal Correio do Povo destacou, no dia 13 de dezembro, o painel Internacional dos 70 anos da Declaração dos Direitos Humanos da ONU ocorrido na Escola Superior da Magistratura (ESM).

20/12/2018

Escola + Paz encerra ano com formatura de multiplicadores

No noite de 17 de dezembro, uma grande festa no auditório da Escola da Magistratura da AJURIS, com direito a um círculo musical que uniu todos os presentes, marcou a cerimônia de encerramento do ano letivo do programa Escola + Paz.

20/12/2018

Horários de atendimento

A Escola Superior da Magistratura informa seus horários especiais:

17/12/2018

Inscrições abertas para o AprovAJURIS 2019

As inscrições para o curso AprovAJURIS 2019 estão abertas!

14/12/2018

Sistema prisional é tema de painel

Na noite da última quinta-feira (13/12), o auditório da ESM foi palco do painel A Execução Penal e a Contribuição das Apac´s. Três magistrados e um promotor de justiça debateram o tema no painel organizado pelo Grupo de Trabalho em Mediação Penal e Penitenciária do Núcleo de Estudos de Mediação da ESM, pelo Centro de Formação do Judiciário do RS

14/12/2018

Palestrantes internacionais debatem Direitos Humanos

A Escola Superior da Magistratura (ESM), em parceria com a Escola de Direito da PUCRS e com a comissão de Direitos Humanos do TJRS, promoveu na noite da última quinta-feira (12/12) o painel Internacional dos 70 anos da Declaração dos Direitos Humanos da ONU.