Previous Next

Na noite da última quinta-feira (13/12), o auditório da ESM foi palco do painel A Execução Penal e a Contribuição das Apac´s. Três magistrados e um promotor de justiça debateram o tema no painel organizado pelo Grupo de Trabalho em Mediação Penal e Penitenciária do Núcleo de Estudos de Mediação da ESM, pelo Centro de Formação do Judiciário do RS (Cjud) e pela Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac/Partenon).

A Escola da AJURIS recebe de 21 a 24/11 o evento internacional Fórum Juízes: Reflexão, Partilha e Redes Colaborativas, que reúne magistrados e juristas de oito países de língua portuguesa: Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe, Timor-Leste e Portugal, além do Brasil. Na manhã de quarta-feira (21/11) houve a abertura no miniauditório. A organização do evento é da AJURIS, da Associação Internacional de Juízes, da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam), da UNODC (escritório das Nações Unidas para o combate do crime e das drogas), do Camões Instituto de Cooperação e da Língua, mantido pelo governo de Portugal, do Projeto de Apoio à Consolidação do Estado de Direito (Paced) e dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa e Timor-Leste (Palop-TL).

Na abertura do evento, o vice-presidente de Patrimônio e Finanças da AJURIS, Cristiano Vilhalba Flores, desejou boas-vindas aos participantes e destacou a satisfação da associação em receber a conferência.  Já o juiz federal e representante da Enfam, Friedmann Wendpap, saudou a possibilidade de compartilhamento de dúvidas, experiências e da busca do crescimento de todos magistrados. O tema também foi destacado pelo desembargador português Nuno Coelho, representante do Camões Instituto e do Paced. O magistrado falou sobre o fortalecimento e incremento da cooperação entre os países e a importância de, ao fim do evento, elaborar um documento com o compromisso ético dos juízes de língua portuguesa.

Nos dias 21 e 22 de novembro, as atividades são exclusivas para convidados. Em grupos de trabalho, os participantes discutem casos e trocam experiências sobre assuntos como o uso das mídias sociais, o assédio moral e sexual no ambiente de trabalho e a independência judicial. Um dos painéis foi conduzido pelo diretor da Escola, Jayme Weingartner Neto, e pelo vice-diretor, Roberto Ludwig, que tratou da independência judicial.

No terceiro dia (23/11) do evento haverá uma conferência internacional coordenada pela AJURIS e aberta à comunidade. Na ocasião, a partir do intercâmbio de experiências serão abordadas questões como a estrutura e organização do Poder Judiciário, transparência e independência judicial, além de questões como ética e papel do Judiciário no combate à corrupção. Será fornecido certificado de participação pela Escola da AJURIS. As inscrições podem ser feitas no site da Escola.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

27/02/2020

PERFIL: JAYME WEINGARTNER NETO, DIRETOR DA ESCOLA DA AJURIS

Natural de Porto Alegre, aos 51 anos Jayme Weingartner Neto foi reconduzido para o cargo de diretor da Escola da AJURIS no biênio 2020/2021. Graduado pela UFRGS, em 1990, mestre em Ciências Jurídico-Criminais pela Faculdade de Direito de Coimbra (Portugal) e doutor em Direito Público pela PUCRS, quando a tese versou sobre liberdade religiosa, pluralismos e fundamentalismos. Também é professor de

26/02/2020

PERFIL: PATRÍCIA LAYDNER, VICE-DIRETORA DA ESCOLA DA AJURIS

Natural de Porto Alegre, aos 45 anos Patrícia Antunes Laydner assume o cargo de vice-diretora da Escola da AJURIS para o biênio 2020/2021. Graduada pela PUCRS, é Master II em Direito Ambiental e doutora em Ciências Jurídicas pela Université de Paris-Sud com foco na área do Direito Ambiental. A magistrada também é Especialista em Direito Europeu dos Contratos, pela Université de

13/02/2020

A Escola da Magistratura informa seus horários especiais:

FEVEREIRO DE 2020 DIA 21/2 (SEXTA-FEIRA): DAS 8H ÀS 15H  DIA 22/2 (SÁBADO): NÃO HAVERÁ EXPEDIENTE.  DIA 23/2 (DOMINGO): NÃO HAVERÁ EXPEDIENTE. DIA 24/2 (SEGUNDA-FEIRA): NÃO HAVERÁ EXPEDIENTE. DIA 25/2 (TERÇA-FEIRA): NÃO HAVERÁ EXPEDIENTE. DIA 26/2 (QUARTA-FEIRA): DAS 12H ÀS 22H  

13/02/2020

Simulado do AprovAjuris premia vencedores com bolsas

Na quinta-feira (13/2), o diretor da Escola da AJURIS, Jayme Weingartner Neto, e a vice-diretora, Patrícia Laydner, receberam os vencedores do 12º Concurso Simulado do Curso Regular de Preparação à Magistratura (AprovAjuris).  Os quatro ganhadores das bolsas de estudos concorreram com mais de 68 participantes na prova que foi realizada no dia 25 de janeiro. Foram contemplados: Paulo César Brandão de

07/02/2020

Curso preparatório ministrado por juízes para futuros juízes

Mais de 120 candidatos inscritos no concurso para juiz do Tribunal de Justiça estão participando do curso preparatório intensivo oferecido pela Escola da Magistratura da AJURIS, nas modalidades presencial e EAD. A prova da primeira fase do concurso está prevista para o dia 29 de março.  Um dos grandes diferenciais do curso oferecido pela Escola da Magistratura em relação aos demais