FORMAÇÃO PRESENCIAL DE INSTRUTORES DE CÍRCULOS DE CONSTRUÇÃO DE PAZ PARA APLICAÇÕES MENOS COMPLEXAS/NÃO CONFLITIVAS)

FORMAÇÃO PRESENCIAL DE INSTRUTORES DE CÍRCULOS DE CONSTRUÇÃO DE PAZ PARA APLICAÇÕES MENOS COMPLEXAS/NÃO CONFLITIVAS)

Em Estoque

Li e concordo com os Termos deste curso
Data: de 24 de janeiro a 28 de janeiro de 2022

HISTÓRICO

A Escola da AJURIS tem sido uma das principais responsáveis pela introdução e difusão dos Círculos de Construção de Paz no Brasil, desde que, pela primeira vez, liderou um grupo de parceiros e promoveu o primeiro circuito de formação de facilitadores com a Profª Kay Pranis, no segundo semestre de 2010.

A partir de então, realizou novas formações com ela no Brasil em 2012, 2013, 2017 e 2018. Desde 2018, nossa escola tem sido honrada pela incumbência de gerenciar sua agenda de formações no Brasil.

Em 2012 teve lugar a primeira formação de instrutores ministrada pela Profª Kay no Brasil, destinada ao futuro corpo docente da Escola da AJURIS, com 9 participantes. Novas turmas foram realizadas pela Escola da AJURIS, em Porto Alegre em maio de 2017, e em parceria com o TJPR, Curitiba, em outubro de 2018. Outra turma de instrutores foi ainda ministrada pela Profª Kay Pranis em São Paulo, através da EPM – Escola Paulista da Magistratura, turmas que, desde 2017, passaram a contar com participantes selecionados de todo o Brasil.

Até 2017, a Escola da AJURIS manteve o propósito de somente certificar instrutores quando formados pela Profª Kay Pranis, a bem de preservar a maior integridade dos seus ensinamentos no processo de multiplicação e sempre honrando a posição da Profª Kay como detentora da linhagem original dos Círculos de Paz e instrutora privilegiada dos novos multiplicadores.  

Embora em formação desde 2010, e tendo recebido a certificação como instrutores pela Profª Kay Pranis em 2012 e novamente em 2017, a equipe docente do presente curso somente veio a formar novos instrutores quando atuando junto ao Programa Justiça 21 do Tribunal de Justiça do TJRS, no ano de 2017 – quando programada aquela que seria a sua primeira formação para instrutores do Programa, dedicada à formação de facilitadores em círculos não conflitivos.

No ano de 2019 nossa equipe encontrou-se também dedicada e desenvolvendo experiência de formação de multiplicadores/instrutores para o Programa Escola + Paz, envolvendo um alentado plano de formação progressiva que envolvia um total de 468 horas de formação, abrangendo participação em atividades formativas, estágios e práticas supervisionadas.

Diante dessas experiências, em julho de 2019 e em Janeiro de 2020 foram ofertadas turmas de Formação de Instrutores e devido ao aumento da procura por tal formação, a iniciativa que ora se apresenta, portanto, representa outro passo importante, e já previamente testado, na maturação do processo de aprendizagem e multiplicação a que sempre nossa Escola se manteve fiel.

JUSTIFICATIVA

Na medida em que se expandem largamente as ideias e testagens da aplicabilidade da Justiça Restaurativa nos mais variados ambientes, a oferta de atividades formativas para instrutores e facilitadores aptos a multiplicar os Círculos de Construção de Paz, é, por um lado, uma oportunidade inestimável para alargar-se os horizontes da difusão de uma Cultura de Paz e do Diálogo, ao mesmo tempo em que se configura um desafio em termos de manter-se a integridade metodológica e a fidelidade aos valores, princípios e ensinamentos originais.

Consciente do significado deste cenário, a Escola da AJURIS propôs-se a abrir lugar à formação da sua segunda turma de instrutores formada pela sua própria equipe, ampliando a acessibilidade dessas competências, mas sem dispensar o rigor com que tem dedicado à difusão e consolidação da Justiça Restaurativa no Brasil.

A opção pela oferta de mais uma formação focada em multiplicadores para as aplicações não conflitivas corresponde à compreensão de que, assim como a aprendizagem das práticas circulares se beneficia da absorção progressiva, eis que se referem a aquisição de habilidades que só se consolidam pela experiência prática, a formação dos instrutores também se beneficia significativamente de um programa que permita o amadurecimento do multiplicador ao longo de diferentes etapas, tudo a bem de assegurar a consistência do resultado final, representado pela fidelidade aos valores e à preservação da metodologia.

Ademais, parte também de que o chamado a que tantos ocorrem atualmente é o do enfrentamento da violência, da pacificação de conflitos e da superação de traumas. Mas estando de há muito atuando em tais contextos, a aprendizagem mais relevante, embora possa parecer lugar comum, é que continua sendo mais fecundo e viável prevenir do que remediar.

Daí a importância de adotar-se como estratégia prioritária e massificar-se as aplicações pacificadoras cuja multiplicação agora são ofertadas por este curso. 

 

CLIQUE AQUI E CONHEÇA A EQUIPE DOCENTE

 

OBJETIVO GERAL:

Formar Instrutores para ministrar Cursos de Formação de Facilitadores de Círculos de Justiça Restaurativa e de Construção de Paz com aplicação de diálogos estruturados em situações de convivência não-conflitiva, tais como: Círculos de Diálogo (Sensibilização), de Fortalecimento de Vínculos Familiares, de Fortalecimento de Equipes de Trabalho, de Construção de Senso de Comunitário.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

Ao término da formação, os participantes deverão estar aptos a:

  1.  Manter suas habilidades de facilitador de Círculos de Construção de Paz Não-Conflitivos, incorporando habilidades da prática docente;
  2. Apoderar-se do Cronograma de Atividades do Curso de Facilitadores de Círculos de Construção de Paz Não-Conflitivos (20 horas/aula); 
  3. Atuar como formadores de novos facilitadores em Círculos de Construção de Paz Não-Conflitivos;
  4. Planejar, organizar e ministrar palestras/oficinas com o foco da Difusão dos Valores e Princípios da Justiça Restaurativa e dos Círculos de Construção de Paz, com carga de 02, 04 ou 08 horas aula, conforme as diferentes demandas.
  5. Promover o uso dos recursos metodológicos (elementos e etapas dos Círculos de Construção de Paz) nos mais diversos ambientes e espaços, sejam institucionais, comunitários ou acadêmicos.
  6. Identificar e analisar conteúdos e metodologias a serem desenvolvidas nas formações de facilitadores em Círculos de Construção de Paz Não-Conflitivos, e sua aplicabilidade em diferentes contextos;
  7. Valorizar o desenvolvimento da formação dos novos facilitadores de forma continuada, compartilhando experiências e conhecimentos de forma colaborativa, e dedicando-se a atividades de aplicação das práticas e de autoaprendizagem;
  8. Identificar sentimentos e necessidades com maior incidência por parte dos alunos nos diferentes momentos das práticas circulares, reconhecendo níveis de satisfação ou de insatisfação dos partícipes, e procedendo aos pertinentes ajustes na condução dos trabalhos;

METODOLOGIA:

A formação será predominantemente vivencial, desenvolvida mediante a aplicação das próprias práticas circulares, objeto da formação, como metodologia ativa. Conteúdos teóricos e orientações práticas, dinâmicas e simulações serão introduzidos ao longo da programação através de intervenções expositivas dialogadas, da resolução de dúvidas e da partilha de experiências em atividades formativas relacionadas a Justiça Restaurativa e aos Círculos de Construção de Paz Não-Conflitivos, culminando pela orientação para a elaboração de um roteiro para o desenvolvimento das formações pelos alunos.

PÚBLICO-ALVO:

Profissionais de nível superior, com prévia formação e experiência comprovada como Facilitadores de Círculos de Construção de Paz, com atuação em áreas relacionadas à educação, serviço social, saúde, justiça, segurança, liderança e gestão de pessoas.

VAGAS:

25 alunos.

APLICABILIDADE:

02 de dezembro

a 10 de dezembro de 2021

Pré-inscrição no site da Escola da AJURIS, (https://forms.gle/W2fNumS33cjz69MM9) respondendo questionário de interesse, preenchendo os 5 relatórios de Círculos de Construção de Paz realizados e enviando o Diploma de Graduação e o Certificado do Curso de Facilitador de Círculos de Construção de Paz em formato digital; 
Obs: é necessario ter uma conta do Gmail para preenchimento da ficha. Os documentos devem ser anexados numa única vez ao preencimento do formulário.

11 de dezembro

a 15 de dezembro de 2021

Análise da documentação por parte da equipe técnica da Escola da Ajuris;

Até 16 de dezembro de 2021 

Divulgação dos resultados via e-mail;

16 de dezembro

a 23 de dezembro de 2021

Período para as inscrições dos selecionados;

26 de dezembro 

a 31 de dezembro de 2021

Período para ajustes finais e/ou substituições através de suplentes.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
A presente formação visa à multiplicação de instrutores para formar novos facilitadores que atuarão na qualificação das relações de convivência como estratégia de construção de paz e prevenção da violência em contextos tais como: núcleos familiares, comunidades escolares, agrupamentos comunitários e de vizinhança, equipes de trabalho, espaços judiciais. Promovendo, assim, a integração, harmonia, coesão e fortalecimento de vínculos.

PRÉ-REQUISITOS:

  1. Formação de Nível Superior (Universitário);
  2. Formação Prévia como Facilitador de Círculos de Construção de Paz – Formação Básica e Formação Avançada ou Formação Completa (certificado emitido com data igual ou anterior ao mês de janeiro de 2021);
  3. Experiência comprovada através da apresentação de 5 relatórios de Círculos de Construção de Paz Não-Conflitivos;
  4.  Preenchimento do formulário de pré-inscrição.

ORIENTAÇÕES DO PROCESSO SELETIVO

O processo de inscrição dar-se-á a partir dos seguintes passos:

Observação: Caso as inscrições excedam o limite das 25 vagas, a Escola da AJURIS reserva a possibilidade de analisar a documentação dos primeiros 50 inscritos e de aplicar os seguintes critérios para a seleção dos cursistas:

1.    Facilitadores Formados pela Escola da AJURIS;

2.    Facilitadores que apresentarem o certificado de participação no Curso de Aprofundamento ofertado pela Ajuris;

3.    Facilitadores ligados a Instituições Parceiras da Escola da AJURIS;

4.    Facilitadores que demonstrarem atuação prática mais expressiva;

5.    Futuros instrutores com maior potencial de multiplicação;

6.    Comprovação de maior tempo de atuação na realização de Círculos de Construção de Paz.

Carga-horária: 40 horas-aula

Data e local: de 24 de janeiro a 28 de janeiro de 2022, nas dependências da Escola da Ajuris em Porto Alegre.

Horário das aulas: 8h30 às 12h – 13h30 às 17h30

Investimento: R$ 2.250,00 à vista ou parcelado em 12x de R$ 223,21 no cartão de crédito via PayPal.

 (O pagamento parcelado com cartão de crédito na SEDE DA ESCOLA deverá ser feito em até 48h após a inscrição no site). 

(A matrícula realizada por meio de boleto bancário só será confirmada após o seu pagamento).

Conteúdo Programático:

  • Construção de metodologias com enfoque principal para as atividades vivenciais.

  • Tipos de círculos não-conflitivos, com ênfase para: círculos de celebração, diálogo, fortalecimento de vínculos familiares, integração de equipes de trabalho e construção de senso de comunidade, conforme descrição abaixo:
    • Círculo de Construção de Paz de Celebração: Viabiliza o compartilhamento de momentos de alegrias, conquistas ou senso de realização.
    • Círculo de Construção de Paz de Diálogo: Oportuniza que os participantes explorem uma questão a partir de vários pontos de vista, garantindo que todas as vozes sejam ouvidas.
    •  Círculo de Construção de Paz de Fortalecimento de Vínculos Familiares: Proporciona a empatia e conexão entre os familiares, possibilitando o fortalecimento dos relacionamentos familiares.
    •  Círculo de Construção de Paz de Fortalecimentos de Vínculos de Equipe de Trabalho: Propicia a criação ou fortalecimento dos vínculos entre a equipe de trabalho, desenvolvendo a empatia e conexão entre os membros da equipe. Permite que todas as vozes sejam ouvidas.
    •  Círculo de Construção de Paz de Senso de Comunitário: Viabiliza a coesão entre as comunidades, proporcionando diálogo sobre temas de interesse comum, responsabilidade mútua e apoio a ações coletivas.
  • Possibilidades de aplicação.
  •  Resultados alcançados a partir da aplicação das metodologias desenvolvidas. 
  • O papel do multiplicador.
  •  Habilidades necessárias para ser um multiplicador.
  •  Planejamento das ações a serem desenvolvidas pelos facilitadores em formação, nas modalidades: individual, grupal ou focadas em instituições e/ou serviços específicos.
  • Atividades de fortalecimento, monitoramento e supervisão das ações do grupo.
  • Trocas de experiências.

Li e concordo com os Termos deste curso